segunda-feira, 22 de maio de 2017

De León a Fisterra, no Caminho das Estrelas (3)

CAMINHO PRIMITIVO: de Los Hospitales a Lugo
Lugo, 18 de Maio
No dia 15 de Maio, eu e a Paula estávamos sensivelmente a meio do nosso Caminho León - Santiago. O Zé Manel ultrapassara já os 100 km desde Oviedo. Como habitualmente, saímos de Berducedo ao nascer do Sol, que surgia por trás da cumeada dos Hospitales, de onde tínhamos vindo.

15.05.2017, 07h30 - Berducedo e os Hospitales ficavam para trás, ao Sol nascente
Entre Berducedo e La Mesa ... mais uma história do Caminho! Em determinada altura, dei por falta do telemóvel; inexplicavelmente, caíra da bolsa onde o transporto. Ligámos ... mas estava desligado ou sem rede. Voltámos atrás, tentando encontrá-lo ... mas pouco depois encontramos um grupo de brasileiros, um deles perguntando se estamos à procura de alguma coisa ... e com o telemóvel na mão!
Igreja de Santa Maria Madalena, La Mesa
Pelo registo GPS verifico depois que esteve 12 minutos parado no solo, ainda no troço em terra antes da estrada em que estávamos a descer para La Mesa. Este grupo de brasileiros já o havíamos encontrado antes ... e havíamos de vir a encontrar várias vezes depois. Nunca chegámos a concluir se eram verdadeiros peregrinos ... ou "turigrinos". Mas aquele brasileiro foi, pelo menos ... o salvador do meu telemóvel!... 😃
Capela de Santa Marina de Buspol, sobre o vale do Navia
O rumo era agora o Rio NaviaGrandas de Salime. Descer à Barragem e subir a margem contrária foi fastidioso, dada uma grande zona incendiada, na margem direita, e o muito alcatrão na margem esquerda. Procurámos reter apenas as imagens da beleza que apesar de tudo o fogo deixou. E pela uma e meia da tarde estávamos a entrar em Grandas de Salime, terminando a etapa em Castro. Mais um belo Albergue a merecer referência, num local agradabilíssimo. Os 4 hermanos espanhóis, liderados pelo Ángel, também ali chegaram pouco depois, bem como a Anne e o Steve e o "ligeirinho" Pedro e o seu amigo italiano Albert, além do jovem casal Stephanie e John; e o Joseph, alemão. Começávamos a fazer uma "família". A Paula andou aliás a tratar os pés bastante maltratados da Anne e de alguns outros peregrinos; já lhe chamavam enfermeira... 😊

Descida para o Rio Navia e a Barragem de Grandas de Salime: belas imagens ... na zona poupada pelo incêndio
Margem esquerda do Rio Navia, subindo para Grandas
Igreja paroquial de El Salvador, Grandas de Salime
E os "meus" melros vêm ter connosco, no
jardim de Grandas de Salime, onde almoçámos
Almoço "campestre", no jardim de Grandas de Salime
16 de Maio. Destino: Galiza! A etapa mais curta deste Caminho das Estrelas 2017, entre Grado e Fonsagrada. No alto de Acebo passávamos a "fronteira" Astúrias / Galiza, antes das dez da manhã, de novo a 1100 metros de altitude. E com o Sol a iluminar-nos o Caminho...

Igreja de Santa Maria de Penafonte (Peñafuente), ainda nas Astúrias, 16.05.2017, 8h35 ... quando o Sol ilumina as almas...
Subida ao alto de O Acevo (1110m alt.) ... e entrada na Galiza
Bar "O Acebo",
1020m alt.
E se no dia anterior eu tinha perdido o telemóvel, "milagrosamente" salvo por um brasileiro ... pouco depois da entrada na Galiza e do bar de O Acebo o cenário inverteu-se: avançávamos os três por caminho de terra, com alguns charcos de água ... quando ouvimos tocar um telemóvel ... caído no chão ... junto a um charco. Atendo-o ... e oiço um dos irmãos espanhóis! O telemóvel era do Ángel...! Em Fonsagrada, foi devolvido ao seu legítimo dono. São os desígnios do Caminho...!

A caminho
de Fonsagrada
Antes das duas da tarde estávamos no Albergue "Os Chaos", em Fonsagrada ... após uma penosa e íngreme subida. Fonsagrada deve o seu nome à "fonte santa", situada junto à Igreja de Santa María. Várias lendas e milagres estão associados a esta fonte. O próprio Apóstolo Santiago, no seu apostolado por estas terras, terá convertido a água da fonte em leite, para que uma viúva que o havia hospedado tivesse alimento para os seus filhos, que passavam frio e fome durante um rigoroso inverno.

Igreja de Santa María de Fonsagrada
A "Fonte do Leite", Fonsagrada, na qual Santiago terá convertido a água em leite
Uma vez na Galiza ... tínhamos que ir ao famoso "pulpo a feira"! Os manos Romo Sen (os 4 irmãos espanhóis) tinham estado no "Caldeira"; os já nossos amigos Anne e Steve, igualmente hospedados no Albergue "Os Chaos", decidiram-se a jantar connosco, bem como o Paco e o Pedro, o "ligeirinho", com o amigo Albert e o Joseph. E lá fomos todos ao "Caldeira", ao nosso primeiro "pulpo a feira"!

Os dois dias seguintes levaram-nos a Lugo, a bela cidade muralhada, capital de uma das quatro províncias galegas, com a etapa intermédia em Castroverde. Foram também os dois dias mais cinzentos do Caminho, por vezes com alguma chuva ... e alguns nevoeiros místicos.

Entre O Padrón e Montouto, 17.05.2017, 8h15 ... numa manhã de chuva e nevoeiro
E dos bosques se libertam brumas e mistérios... (próximo de Paradavella)
Por entre a magia dos bosques ...
... rumo à Luz! (A caminho de O Cadavo, 17.05.2017, 10h55)
18.05.2017, 8h05 - Igreja e Cruzeiro de S. Tomé de Souto de Torres
Em amena cavaqueira com o Pedro (o "ligeirinho") e o Albert, já próximo de Lugo
E ao meio dia do dia 18 (13º dia meu e da Paula), entramos em Lugo
O Albergue Municipal de Lugo abre à uma da tarde. Mas cedo se formou uma fila de peregrinos e mochilas à sua porta. Ali estava toda a "família" que já tínhamos ganho nos caminhos do Caminho ... incluindo os brasileiros potencialmente "turigrinos". Felizmente o Albergue é grande... 😊

Lugo, 18.05.2017, 12h40 - À porta do Albergue Municipal, esperando a abertura
A tarde foi de passeio pela Catedral e pelas muralhas de Lugo ... e também de despedida do Ángel e seus irmãos; talvez completem para o ano a ligação Lugo - Santiago! A nós ... faltavam-nos 4 dias para abraçar o Apóstolo.

Catedral e muralhas de Lugo, 18.05.2017
(Continua)
(Escrito em casa, após os Caminhos de San Salvador, Primitivo e Fisterra, em 1 e 2.06.2017)

1 comentário:

Paula Francisco disse...

Posso dizer que um Caminho não se explica, faz-se. E este continuava a ser o meu Caminho.....